Ética: como ensinar para as crianças

Publicado em: 12 de novembro de 2019


Respeito, empatia e educação, são três de outros fundamentos que fazem parte da ética, que molda, impulsiona e pode melhorar uma sociedade, principalmente se esta encontra- se em momentos instáveis por n fatores externos que -infelizmente- são difíceis de controlar.

Future

ética

Apesar dessas oscilações, há uma maneira de tentar solucionar e impedir que tais problemas sociais não se repitam em décadas futuras: crianças.

Sim, crianças! São elas que daqui 10, 20 anos estarão no “comando” do mundo/sociedade e serão responsáveis pelas consequências de suas ações e decisões, em qualquer âmbito social. E é nessa perspectiva que audaciosamente lhe escrevo para dar ênfase que só poderemos fazer essa transformação por meio delas, com a educação ensinada em casa, por vocês pais.

Infelizmente, a aqueles que encaram ‘ser educado’ é ter conhecimentos didáticos, frequentando escolas prestigiadas, tendo boas notas e elogios por parte dos professores, e se possível, sendo bem sucedido profissionalmente.

Por conseguinte, muitos cresceram tendo essa realidade como a certa e realmente conseguindo se destacar socialmente, porém apesar de todo o sucesso, falta algo que não foi aperfeiçoado e que agora, está entre os requisitos mais importantes ao se candidatar para empregos nas pequenas, médias e grandes empresas/corporações: o saber se relacionar com outras pessoas, ainda mais, se estas forem totalmente diferentes da sua ‘bolha social’.

Tantos méritos exibidos na sala, no escritório, para no fim, ser demitido ou excluído da seleção por não saber respeitar, ter empatia e cooperar em equipe. (Ok, sei que parece que fugiu do tema e agora você está na dúvida se tem alguma correlação com o primeiro parágrafo do texto.)

Atitudes

Pois bem, dá onde você achas que essas capacidades se originam? Se está lendo atenciosamente, entendeu; se não, vou lhe ajudar: o saber relacionar com outras pessoas, desenvolvendo essas habilidades advêm de dentro de casa, entre vocês pais com seus filhos – são vocês as primeiras pessoas que eles conviverão e terá que lidar com as diferenças, assim inversamente, vocês com eles, principalmente após os 10 anos, no início da pré-adolescência, onde as opiniões e respostas ousadas estarão prontas para serem gritadas.

ética

E é na trajetória antes dessa fase, que os diálogos de ‘o que é ética?’, ‘o saber valorizar o que têm’, ‘porque é importante respeitar as pessoas e ser educada com elas’ juntamente com exemplos que farão a diferença no ensino e perspectiva deles, afim de ao chegarem nos temidos (pelos pais) 10 18 anos, estes possam saber o certo e errado, conscientemente e socialmente. Entendeu?

Óbvio que não só com os pais/família, mas também todos os outros como: a escola, professores, políticos e alheios que estão diretamente ligados ao crescimento, desenvolvimento e educação dessa próxima geração. (Não há coisa pior do quer ver um jovem mal educado, ignorante, sabendo que isto poderia ter sido mudado lá trás, na sua infância pelos seus responsáveis).

dia a dia

Vale ressaltar que não é fácil educar uma criança, é desafiador, ainda mais que o ambiente que ela estar inserida é o segundo fator mais relevante de como ela se desenvolverá como pessoa.

ética

Quando se dá a educação e em seguida, se consegue guiar uma criança na direção da ética para que ela possa se tornar uma adulta(o), aos poucos se pode perceber as mudanças em sua personalidade e atitudes que antes as não a tinham, como ser solidária com uma amiga na sala, ajudando a fazer um exercício difícil, fazendo um elogio ou contando uma piada ao ver que a companheira estar triste.

Pequenos gestos que ao decorrer dos anos, ela perceberá que são essenciais não só para estabelecer vínculos pessoais mas também, para o convívio social e talvez até planetário (abraço, Marte).

Finalizando, sei que o assunto é composto por diversos aspectos, e que o debate sobre pode ser caloroso e render horas de conversa, com diversas perspectivas, opiniões e exemplos do que pode ser feito e o que não se deve ser feito. Sinceramente, gostaria muito de continuar aqui escrevendo na esperança de ler nos comentários o que vocês acham, o que poderia ter sido incluso no texto e o mais importante: quais são as outras maneiras positivas para impulsionar as futuras gerações numa direção e realidade muito melhor desta atual.


Tecnologia e aprendizado dentro das salas

As formas que se utiliza a tecnologia no cotidiano as vezes é muito simples e…

Leia mais >>

Composições & músicas

Formada em Arquitetura, e atualmente reconhecida como compositora, cantora em ascensão ‘nas’ Minas Gerais, Carla…

Leia mais >>

Filmes, crianças e o aprendizado delas

Com certeza você que está lendo já ouviu de seus avós as histórias de como…

Leia mais >>

Meditação para todas as idades

A meditação é muito mais que movimentos respiratórios, músicas instrumentais e incensos, é o momento…

Leia mais >>